NINJUTSU: A HISTÓRIA

Não se sabe exatamente a época em que o Ninjutsu começou a ser desenvolvido. Sua historia começou provavelmente ha alguns séculos atrás na Índia, pelos monges budistas, que mais tarde exportaram sua cultura espiritual até a China. De lá foi introduzida no Japão pela península Coreana por volta do século 6 d.c, onde foi refinado e desenvolvido como disciplina militar. O Ninjutsu não é um estilo ou uma luta, mas sim a interação de conhecimentos e técnicas, tanto físicas quanto espirituais.
Durante o período feudal da história japonesa, as guerras civis eram constantes. Nesta época, os Ninjas eram principalmente agentes de espionagem e contratados secretamente por facções guerreiras para obter conhecimento das atividades de seus inimigos.
Entretanto, os Ninjas também eram chamados para interromper e até mesmo assassinar inimigos de tempos em tempos. "Ninja" era o nome daquele que usava a arte marcial do Ninjutsu para alcançar estes objetivos.  Porém a arte do Ninjutsu não estava limitada somente ao combate.
A arte do Ninjutsu não enfatiza sobre a força das armas, mas sobre discrição e a solução inteligente de combate. Existia também uma área do Ninjutsu que era voltada para a adivinhação, psicologia e para-psicologia com a finalidade de manipular a percepção inimiga, e outra área que era voltada para disciplinas como astrologia e horticultura médica a fim de melhorar seus padrões de vida. 
Entre as várias Escolas Ninja que se desenvolveram através da historia, apenas duas foram consideradas líderes em seus campos: KOGA-RYU na província de Shiga e IGA-RYU na província de Mie.